|

Pessoas conectadas nos últimos 20 minutos: 142 { professores: 0 | usuários com coleções públicas: 0 }

Educadores
Cadastre-se para registrar os seus relatos de experiência com o uso de curtas-metragens em salas de aula e concorrer a prêmios para você e sua escola.
Comentários
Loop

Ficção | De Carlos Gregório | 2002 | 6 min | RJ

22 Comentários
Por Alexandre Nuñez Tardin - Usuário | 17/11/2012

Que vida tediosa.
Por Heloisa Hammer - Usuário | 17/07/2011

Carlos Gregório, vc e o filme säo realmente fantásticos... Moro em Berlin e irei divulgar o Filme por aqui! Parabéns! Obrigada por esta OBRA! Heloisa Hammer
Por Carla Moraes - Usuário | 11/09/2010

Amei esse filme, pois o assunto me interessa profundamente. Sou formada em filosofia e meu trabalho de conclusão foi sobre o Tempo. Amo esse tema!!!! E esse filme traz um dos detalhes que permeia esse fascínio sobre o tempo, o de tentarmos arrumar ou consertar algo acontecido no passado. Gosto muito também da atuação do ator Carlos Gregório, que além de ser um ótimo ator, também é show como roteirista. Viva ao nosso cinema brasileiro !
Por Igor Azevedo - Usuário | 28/01/2010

Uma obra prima. Foram infinitos os minutinhos que assisti. Sem palavras pra definir a dimensão e grandeza do tema abordado!!!! O Tempo.... Parabéns!
Por Trajano Luiz Kelmer de Andrade - Usuário | 28/01/2010

Por que apenas 3/4 de segundo? Se fosse você quanto tempo digitaria? Com certeza não seria apenas 3/4 de segundo. Só um cientista capaz de construir tal máquina teria tanto cuidado. O poeta, o político, o louco... que tempos digitariam. O big-bang, os dinossauros, a ágora grega... tanta coisa, no entanto ele escolheu apenas 3/4 de segundo. Esta filme fantástico me fez voar; afinal é esta a missão da arte. Me fez refletir sobre a limitação do homem perante a sí próprio. Todos nós temos nossos próprios LOOPS.
Por Jair Alves da Silva - Usuário | 28/01/2010

interessante como o homem tenta controlar o tempo incontrolavel.
Por Paulo Luiz Chrispim Lessa - Usuário | 28/01/2010

A música é perfeita às sugestões metafóricas das imagens...dá prá pensar no tempo, neste limiar entre o "estar AQUI E AGORA" e o instante fugaz em que "ESTIVEMOS NO AQUI E AGORA". E fica uma boa pergunta: Quem tem coragem de apertar o botão? Parabéns.
Por Marcelo Luiz Quint - Usuário | 28/01/2010

Parabéns! Exelente argumento, exelente música do André. Sem palavras...
Por Ana Carolina Bittencourt Pache - Usuário | 28/01/2010

Fantástico. Sem palavras. Para saudostistas (como eu), é um tiro na nuca.
Por Denizard Dennis das Dôres - Usuário | 28/01/2010

Edição Precisa! Produção Impecavél!! Foram os dois minutos mais "aprisionantes" dos últimos tempos.... Parabéns!!!

Páginas: 1 2 3