|
Educadores
Cadastre-se para registrar os seus relatos de experiência com o uso de curtas-metragens em salas de aula e concorrer a prêmios para você e sua escola.
Filmes
Filtrar por

Valorização do que temos e do que somos, buscando um futuro melhor.

Filme Utilizado Ilha das Flores | Documentário, Experimental | De Jorge Furtado | 1989 | 13 min | RS



Data da Experiência:03/09/2007

Nível de ensino da turma*: Ensino Fundamental II

Faixa etária da turma*: de 10 a 14 anos

Nº de alunos que assitiram esta sessão:120

Autor do relato:Tânia Figueiredo

Instituição:MARIA PETRONILA LIMEIRA DOS MILAGRES MONTEIRO PROF
| SP | SAO PAULO
| Estadual
Objetivos do uso do filme
Levar os alunos a questionar e refletir sobre o sistema capitalista, analisando os pontos positivos e negativos desse sistema e perceber
a sua inclusão nessa sociedade para que
possam transforma-lá . Conscientizar sobre a importância da reciclagem para garantir uma melhor qualidade de vida .

Sequência de atividades envolvendo o filme
Antes de passar o curta-metragem coloquei na lousa o nome "Ilha das Flores" e pedi para que os alunos redigissem o que para eles significava esse nome e me entregassem .Na aula seguinte retomei o assunto e dei as seguintes informações: Ilha das Flores é o título de um curta-metragem; Ilha das Flores é também um nome de rua que fica próximo a 25 de março (SP) e que nesse lugar vive-se muito tranqüilo; por último disse que esse curta-metragem foi gravado no Sul.Mas ainda não disse o conteúdo do filme.Próximo passo: dividi os alunos em grupo ,entreguei uma cópia do roteiro do filme, li com eles algumas cenas e depois pedi para que, em grupos, lessem e discutissem sobre o assunto e que fizessem um relatório sobre o que entenderam.Feito o relatório, cada grupo leu para a classe o que entendeu. Partimos para o próximo passo: distribui algumas cenas do roteiro do curta para que eles desenhassem o que achavam que iriam ver no curta.Terminado essa fase, finalmente, assistimos o curta. Os alunos estavam motivados pois iriam verificar se as idéias deles eram as mesmas do produtor . Elaborei algumas questões que deveriam entregar após o filme. Depois de assistirem o filme os alunos fizeram alguns questionamentos, pois ficaram chocados com a realidade apresentada, chegando inclusive a afirmar que não devemos realmente reclamar da vida, da nossa condição social . Ficaram horrorizados com a comparação do homem com o porco e criticaram muito o sistema capitalista.Depois de assistirem o curta lemos o poema O Bicho, de Manoel Bandeira ,para que os mesmos fizessem a comparação entre o curta e o poema. A discussão final também foi muito enriquecedora e repleta de questionamentos, pois afinal o bicho é o próprio homem.Para finalizar o projeto os alunos criaram um curta-metragem no laboratório de informática abordando temas tais como: desperdício, preconceito,periferia, "consumismo vale a pena?" desigualdade social, entre outros.

Comente os resultados da experiência
Os resultados foram excelentes uma vez que os alunos se envolveram , se empenharam , questionaram sobre o sistema capitalista , analisando os pontos positivos e negativos desse sistema, dando, inclusive, mais importância a vida referente ao que temos e ao que somos. Acredito que esse trabalho valeu a pena, pois conseguimos uma integração entre as diferentes disciplinas e os temas transversais, onde inclusive os alunos perceberam essa integração. Esses curtas-metragens foram apresentados na feira cultural. O interesse foi tanto que fomos a TV Cultura para conhecer uma emissora de televisão e os estúdios, antes da criação do curta-metragem na escola. No laboratório de informática houve um enorme interesse para que conseguissem criar um curta -metragem, mesmo que simples, com figuras e imagens da Internet. No próximo ano a idéia é que eles mesmos filmem e depois produzam! Fizeram até a letra de uma música criticando a miséria, a desigualdade social e no laboratório de informática chegaram a gravar.Verificamos quanto esses alunos ficaram orgulhosos de conseguirem ter produzido e participado desse processo. As discussões em sala de aula foram sempre muito enriquecedoras, e com elas conseguimos perceber os alunos desenvolvendo a criticidade.Esse trabalho teve a duração de um mês, contando com a utilização do laboratório de informática para a produção do curta -metragem.